Versão Impressa

Jornal A Hora

Santa Clara do Sul

Publicada em 19/05/2017

Sociedade Reservista reestrutura equipe

Primeiro baile do associado organizado pela nova diretoria ocorre amanhã, 20

Crédito: Anderson Lopes União da comunidade garantiu as reformas e reativação da entidade
União da comunidade garantiu as reformas e reativação da entidade

Depois de um momento de transição, a nova diretoria da Sociedade Centro de Reservistas promove evento amanhã. O baile do associado ocorre às 20h. São esperadas cerca de 600 pessoas para o jantar.

Desde março, quando o antigo presidente prestou contas e entregou o cargo, uma nova equipe assumiu a entidade. Ao perceber que a sociedade precisava reestruturar a administração, o agora vice-presidente Ademar José Kroth e a mulher Iara buscaram apoiadores.

Foram 20 casais que iniciaram a retomada dos trabalhos comunitários, em busca de recursos para restauração do prédio e reativação dos eventos. Os novos administradores assumiram a entidade com uma dívida de R$ 51,1 mil.

A baixa participação dos sócios e a desistência de alguns geraram preocupação. “Começamos a nos reunir duas vezes por semana e a buscar parceiros que quisessem recuperar a sociedade.” O grupo de 64 pessoas enfrentou problemas financeiros como dívidas da conta de luz, na casa dos R$ 9,5 mil. “Isto, para nós, ficou para trás. O que importa é como vamos administrar daqui para frente.”

O clube estava sucateado. As piscinas não podiam mais ser usadas, nem a pista de boliche, que carecia de reparos. O prédio exigia reformas internas e externas.

A equipe conseguiu apoio da comunidade. Em estilo mutirão, os reparos iniciaram e as dívidas foram todas renegociadas. “Quem ajudou vai receber um agradecimento no dia, em forma de video propaganda no telão, para que todos saibam que existiu parceria no projeto.”

Em busca de mais sócios

A nova diretoria traçou uma estratégia para atrair novos sócios ou mesmo quem deixou de pagar. O valor é de R$ 250 para quem quiser quitar as dívidas com a sociedade ou mesmo busca integrar pela primeira vez o quadro de associados.

Relembre o caso

Dívidas acumuladas, estrutura sucateada e falta de administração fizeram com que parte dos sócios parasse de frequentar o clube. Mesmo assim, muitos casais ainda tinham a esperança de reerguê-lo. No verão passado, nem mesmo a temporada de piscinas foi aberta. No fim de fevereiro, após o Carnaval, o clube ficou por 15 dias sem energia elétrica. O serviço havia sido interrompido por falta de pagamento.

Segundo Kroth, se antes a joia para entrar na sociedade era equivalente a um salário mínimo, hoje é uma oportunidade para ingressar. “A promoção vai até o dia 31 de dezembro, mas quem quiser participar ainda neste sábado (amanhã), haverá uma equipe disposta a partir das 15h para encaminhar os papéis.

Programação

As atividades da noite começam com o jantar que tem no cardápio o tradicional churrasco com três tipos de carnes (rês, suíno e frango), oito tipos de saladas, além de arroz branco, à grega, aipim, polenta e molho.

Haverá ainda show de bandas e um sorteio de brindes aos associados. Os prêmios são oriundos do comércio local como calçados, roupas, kits de limpeza e até tortas.

Notícias relacionadas
Vale do Taquari

Projeto-piloto leva 30 mil estudantes para o teatro

Iniciativa quer estimular o gosto pelas artes

Lajeado

Falta de licença adia início da duplicação

Secretário estadual assinou ordem de serviço no dia 13 de abril, mas obra não começou

Estrela

Sessão homenageia cultura dos imigrantes

Comenda do Festival do Chucrute e grupo de dança estiveram ontem na câmara