Versão Impressa

Jornal A Hora

Mato Leitão

Publicada em 15/07/2017

Mato Leitão se prepara para a 23ª Festa do Colono Imigrante

Atrações musicais, culturais e gastronômicas ocorrem nos dias 23 e 25

Crédito: Gesiele Lordes Comitiva é formada por uma representante de cada comunidade
Comitiva é formada por uma representante de cada comunidade

O município de Mato Leitão já respira ares festivos. Entre os dias 23 e 25, a cidade das orquídeas celebra a 23ª Festa do Colono Imigrante. Neste ano, o evento ocorre no ginásio Bonitão, em Vila Arroio Bonito. São esperadas cerca de duas mil pessoas.

Os destaques da programação incluem o tradicional desfile temático, que contempla também tratoraço, às 10h de terça-feira. Segunda a Garota Imigrante, Geovana Kist da Silva, representante da SEUBV, uma das novidades deste ano é a inclusão de sons automotivos, com Carangas Auto Som e Alta Performance, a partir das 10h30min. “Queremos atrair também os mais jovens”, explica.

A participação é gratuita, inclusive para assistir aos shows. No domingo, a Banda Schuster toca às 13h e Os Hermanos, às 16h. Já na terça-feira, o Musical Star toca a partir das 13h. O encerramento fica por conta da Barbarella, às 16h. Haverá almoço nos dois dias, ao custo de R$ 20.

Serviço

O quê: 23ª Festa do Colono Imigrante
Quando: 23 e 25 de julho
Onde: ginásio Bonitão, em Vila Arroio Bonito, Mato Leitão
Quanto: entrada gratuita (almoço, R$ 20)

A festa foi criada quando a cidade tinha dois anos de emancipação, e surgiu com o objetivo de integrar as comunidades. Por isso, cada uma das cinco localidades é representada por uma princesa. Além de Geovana, a comitiva é formada pelas princesas: Josiane Heuser (Assoessa, de Vila Sampaio), Bianca Ramona Jantsch (São José, de Vila Arroio Bonito). Talia Prado de Moraes (Assocersa, de Vila Santo Antônio) e Angélica Taís Scheibler (União, de Boa Esperança Alta). A cada ano, a festa ocorre em uma dessas comunidades.

Notícias relacionadas
Lajeado - Pais e filhos

Pararátimbúm estreia no próximo mês

Músicos e cantoras do Vale se uniram para compôr uma nova atração cultural às crianças

Faça você mesmo

Centro de mesa com roda de bicicleta

Quem não sonha com um mesão para reunir toda a turma pra jogar conversa fora com muita gordices e birita, n… Leia mais

história e envolvimento

Madre Bárbara celebra 120 anos de tradição no ensino

Escola referência no Vale do Taquari tem como meta chegar a mil alunos em 2018