Versão Impressa

Jornal A Hora

CONTEÚDO PATROCINADO

Publicada em 10/04/2019

Sicredi Ouro Branco apoia 92 projetos em 21 municípios

Criado em 2018, Fundo social da cooperativa destinou R$ 400 mil para entidades sem fins lucrativos e associadas

Treinamentos em costura oportunizam experiências para toda vida.
Treinamentos em costura oportunizam experiências para toda vida.

SICREDI OURO BRANCO-01 Iniciativa criada em 2018, o Fundo Social da Sicredi Ouro Branco destina recursos para projetos voltados para a educação, cultura, esportes, sustentabilidade ambiental, segurança e saúde. Ao todo, R$ 400 mil foram destinados para 92 projetos nos 21 municípios da área de atuação da cooperativa.

Uma das entidades beneficiadas foi a Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Vila Schimidt, de Westfália. O colégio recebeu R$ 16,8 mil a e aquisição de mobiliário para a sala multiuso, com espaço para jogos, danças, leitura e aulas de reforço.

Coordenadora dos anos iniciais da escola, Carina Diersmann Agatti afirma que o recurso veio em um momento estratégico, durante a reforma do educandário. Segundo ela, a sala multiuso trás benefícios para o cotidiano dos cerca de 240 alunos.

Para a coordenadora do Turno Inverso, Núbia dos Santos, o novo espaço resulta em inovação nas metodologias de ensino e aprendizagem. “Por meio da sala, conseguimos sair do modelo convencional e deixar as crianças mais à vontade.”

BOX SICREDICooperativismo na escola

Outra entidade beneficiada foi o Centro Municipal de Ensino Fundamental (Cemef) Leonel de Moura Brizola, de Teutônia. A escola possui uma cooperativa (Coopemef) e desenvolve projetos para promover a sustentabilidade e a aproximação da comunidade escolar.

Coordenadora da cooperativa, Cristiane Bom iniciou projeto para a fabricação de sacolas retornáveis, com a intenção de envolver alunos, pais e professores na atividade. Por meio de doação da Sicredi Ouro Branco foi adquirida uma máquina de costura reta industrial para o projeto.

Além de promover a sustentabilidade por meio das sacolas retornáveis, a ação ainda promove o aprendizado e o empreendedorismo. “Oportuniza experiências que os alunos levarão para toda a vida, seja aprendendo a costurar ou a participar do sistema cooperativo.”

Benefício para a comunidade

Diretor Executivo da Cooperativa, Neori Ernani Abel, afirma que o Fundo Social é oriundo de parte dos resultados líquidos do ano de 2017. “Quanto mais a cooperativa cresce e se desenvolve, mais a comunidade é beneficiada.”

De acordo com Abel, esse é um dos principais diferenciais do sistema cooperativo. “Estudos comprovam que o IDH é maior nos municípios que sediam cooperativas, então a nossa região é privilegiada.”

Segundo ele, a missão da Sicredi é oferecer soluções financeiras para agregar renda e contribuir para a melhoria na qualidade de vida, e não apenas garantir o lucro da instituição. “Os resultados precisam ser positivos para desenvolver o associado, a comunidade e servir de instrumento de organização econômica.”

Notícias relacionadas
Conteúdo Patrocinado

Subway: 24 horas com você

Franquia foi o primeiro fast-food de Lajeado, município que hoje possui quatro unidades da rede

Conteúdo Patrocinado

Cuidado com as falsas informações

Notícias fraudulentas podem prejudicar diagnóstico e tratamento de doenças