Versão Impressa

Jornal A Hora

Arq ideias

Publicada em 25/05/2019

Barbearia hipster

Com vista ampla para o Vale do Taquari, barbearia inova e vira ponto de encontro entre amigos

IMG_20190518_103603

Diretamente do Porto de Rio Grande, um contêiner de doze metros teve como destino final as belas paisagens naturais de Encantado. O estilo hipter da Barbearia Samuel Vivian foi projetado pelos arquitetos Karla Luize Piloneto e Maurício Zuchetti, do escritório Casa Arquitetura.

Voltada para o cenário exuberante do Vale do Taquari, a barbearia tem como conceito se transformar em um ponto de encontro entre amigos da região. Com o plano inicial de colocar o contêiner às margens da RS 129, o projeto foi alterado no meio do caminho ao se perceber o potencial turístico do terreno onde seria montado. “Decidimos por colocá-lo atrás da casa existente no local, com vista aberta para o rio Taquari. Foi a melhor decisão que poderíamos tomar”, comenta Maurício.

Karla Luize Piloneto Maurício Zuchetti Casa Arquitetura casaarquiteturalajeado@hotmail.com
Karla Luize Piloneto
Maurício Zuchetti
Casa Arquitetura
casaarquiteturalajeado@hotmail.com

Decidimos colocar o contêiner marítimo de costas para a rodovia e de frente para a linda vista do Vale do Taquari”

Para que pudesse ser inserido nessa nova parte do terreno, foram necessários construir pilares e fundações que resistissem ao peso do aço e do novo deck. No projeto inicial, o deck tinha pouco mais de um metro, mas acabou se transformando em um espaço de quatro metros de largura. Cobre toda a extensão do contêiner, envolvendo as araucárias existentes e formando a entrada principal da barbearia.

Contêiner amigo

A construção em contêiner é considerada mais sustentável por gerar menos resíduos, ser rápida e reutilizar materiais que ficariam parados nos portos. De acordo com os arquitetos, a vida útil do material gira em torno de cem anos, sendo que são utilizados por menos de 10 anos na área naval.

“Para esse projeto optamos pelo contêiner marítimo. Ele é muito resiste à corrosão, mas deficiente no isolamento térmico e acústico”, avalia Karla. Para que se pudesse realmente torná-lo em um ambiente confortável, foi necessário criar paredes de gesso acartonado com isolamento térmico.

Cores e texturas

A barbearia Samuel Vivian foi internamente setorizada em espaço para corte de cabelo e barba, área de espera com TV e vídeo game, recepção e copa, além de possuir um pequeno lavabo acessível para cadeirantes. Tanto para a fachada quando para o interior, os arquitetos se apropriaram de cores mais frias para trazer o ar de ambiente exclusivamente masculino. A fachada do container é verde militar para combinar com a paisagem e por dentro as paredes em cinza claro para aumentar o ambiente ao invés do tradicional branco.

As janelas grandes mostram a paisagem e os espelhos fazem com que o container pareça maior internamente, mesmo tendo pouco mais de dois metros de largura. A iluminação natural que entra pelas janelas aliada a iluminação artificial e também deixa o ambiente maior.

 

Notícias relacionadas
Cidades

Ex-deputado Ibsen Pinheiro morre aos 84 anos

Filiado ao MDB, ele presidiu a câmara durante o processo de impeachment de Fernando Collor. Também teve atua… Leia mais

Cidades

Menor morre após moto colidir contra carro no bairro Canabarro

Adolescente de 16 anos teria fugido da Brigada Militar após abordagem e não parou em cruzamento, acertando a… Leia mais

Cidades

Associações buscam reaver valores investidos em criptomoedas

Milhares de clientes da Indeal e da Unick foram lesados e buscam ressarcimento. Em Brasília, grupo de … Leia mais