opinião

Jonas Ruckert

Jonas Ruckert

Diretor do Colégio Teutônia

Assuntos e temas do cotidiano

Circo e pão não! A formação cultural é condição social!

Por

Pensar O Vale

Vivemos tempos complexos, é verdade! Cenários de grandes desafios no campo econômico, social e político. Na saúde e na educação contextos se apresentam quase que em forma de superação. Por essa razão vibro com a possibilidade de, em pleno recesso escolar de inverno, perceber que há um alento em torno de um grande movimento para a manutenção dos aspectos fundamentais do desenvolvimento social: cultura que se desencadeia em um arranjo de atividades de aulas, oficinas, práticas de grupo, canto coral, orquestra… Em meio a tudo isso, muita convivência, mais de duas centenas de jovens sendo hospedados em famílias da comunidade de Teutônia e, durante uma semana, sendo ciceroneados pelo que há de melhor em se tratando de musicistas. Participações do RS, do Brasil e, nesta edição, de um professor brasileiro radicado nos Estados Unidos. Esta é uma marca do Festival: muita gente boa em um só lugar, por alguns dias, compartilhando seus conhecimentos, técnicas e histórias de vida e superação. Gente que gosta de gente!
Do que falo: do Festival
de Música de Teutônia!
De 21 a 25 de julho no Colégio Teutônia, cuja programação artística se estende até o dia 26, o Festival é uma atividade a ser vivenciada. Recomendo como garanto que valerá a pena passear por Teutônia e ver o que aqui acontece nas oficinas de canto coral, de arranjos, de violoncelo, violino, flauta transversal, clarinete, saxofone alto, saxofone tenor, trompete, trompa, trombone, tuba, piano/teclado, guitarra e violão, baixo elétrico e bateria. Para além, concertos abertos ao público, de domingo à sexta-feira, com participações da Orquestra Jovem de Teutônia, em seu lançamento no Concerto de Abertura, Toque Show com Hique Gomez, Concerto com a Orquestra Acadêmica do Festival, Coral Municipal de Teutônia, Quinteto de Sopros e, na sexta-feira à noite, com a chancela do poder público municipal, a Orquestra Sinfônica de Porto Alegre.
Dito isto dá para se ter ideia do que será, nesta quarta edição, o Festival, evento este que acontece pela determinação dos colegas professores e funcionários do Colégio, pelo apoio de nossa mantenedora, a FAT, pelo engajamento das famílias hospedeiras e pela inoxidável parceria dos patrocinadores e apoiadores que investem na formação de crianças e jovens.
Você é nosso convidado! Informações, agenda cultural bem como inscrições nas redes sociais do Festival de Música de Teutônia.
Participe, prestigie! A cultura, a educação quem faz não é apenas aquele que se coloca na condição de quem ensina ou de quem quer aprender. É um movimento bem maior e dele, na condição de quem observa, avalia e prestigia a sociedade faz parte. E nós somos esta sociedade. Nos vemos no Festival!

bravo