Lajeado

“É uma geração mais consciente e digital, que logo será maioria”

Empresário na área de gestão de recursos humanos, Fábio Souza participou ontem da reunião da Acil. O desafio em atrair e reter talentos na era da transformação foi o foco da palestra

Por

“É uma geração mais consciente e digital, que logo será maioria”
Pensar O Vale

Empresários, gestores e colaboradores tiveram um momento de reflexão sobre as mudanças das relações de trabalho nos novos tempos. Este foi o tema central explanado por Fábio Souza em sua palestra ontem, 20, durante reunião-almoço promovida pela Associação Comercial e Industrial de Lajeado (Acil).
CEO da DeBernt, empresa que possui foco na gestão de talentos, Souza abordou questões como o desafio das empresas em atrair e reter talentos na era da transformação, bem como de cultivarem a sua marca empregadora.
Para Souza, a participação no evento foi uma oportunidade para compartilhar com lideranças da região o que se enxerga atualmente no mercado de trabalho quando o assunto é gestão dos novos talentos. “Não existem fórmulas prontas. É preciso quebrar esse paradigma de que a gente deve seguir uma receitinha de bolo e criar soluções para a nossa realidade”, afirma.
07_AHORA
Ele também refuta a tese de que empresas e colaboradores precisam estar prontos para os novos tempos, pois a sociedade está em constante transformação e isso reflete no mercado de trabalho. “Acho que nunca estaremos prontos. Quando isso acontecer, vem outra mudança. O importante é se mexer, ir atrás dessas mudanças antes que seja tarde demais”, salienta Souza.
Competitividade
Na abertura da palestra, a presidente da Acil, Aline Eggers Bagatini destacou que as empresas são transformadas pelos melhores talentos e que, por isso, é necessário buscar um aperfeiçoamento contínuo de diretores e equipes de trabalho. “É a inovação que vai manter nossas empresas com grau de competitividade”, ressaltou.
 

MATEUS SOUZA – mateus@jornalahora.inf.br

bravo